quarta-feira, 30 de setembro de 2015

DOIS ERROS NÃO DÃO UM ACERTO, NEM UM ERRO JUSTIFICA UM OUTRO

Joilson Gouveia*

Admitindo-se procedentes, verdadeiras e verídicas as assertivas assestadas pelo vetusto, senil, debilitado, débil e decrépito arauto petralhista, eis que exsurge uma dúvida, questão ou indagação que se impõe, a saber: por que é que o impoluto, honesto, honrado, indefectível e perleúdo homo lusco não desfez aos erros, falhas, malfeitos e os maus negócios e até as alegadas, imputadas e possíveis ou eventuais “negociatas” do FHC, nos seus mais de oito anos no “puder” ou nos atuais deLLa? São mais de treze anos de omissão, desídia, indolência, descaso e desdém ou alheios aos mesmos, pois nada consertaram, nem emendaram, nem corrigiram, nem descobriram ou sequer provaram tal qual e tanto quanto aos “porões da ditadura”; lembram? Ao que me recordo, o homo lusco apenas copiou (com nomes diferentes) ou majorou aos feitos e malfeitos do FHC; ou não? Quem “criou” os 39 ministérios, que eLLa até reclama?
O caro leitor mais atento, observador e inteligente já deve ter percebido, notado e visto que não há um comentário favorável aos escritos do arauto vermelho, tenaz e ferrenho esquerdistaPATA comunapetralhista, o Sir Bob - The bobo, salvo os de uns alienados, alienantes e alienígenas séquitos e sequazes da mesma súcia matula vermelha, que aviltam, depenam, espoliam e depredam o Patrimônio, o Tesouro, as Riquezas e Erário Nacionais, no mais da vez, aparelhados nos mais de 139 mil cargos comissionados incrustrados nas tetas governamentais dos mais de 39 ministérios e suas incontáveis e inúmeras "agências empregadoras" que de reguladoras não tem nada e nada têm.
É o caso do "analisador", que sequer viu, leu ou ouviu a fala da governANTA, na ONU, que disse que "todo o esforço chegou ao limite" e o pibinho é de -2,5%, fez o Dólar bater recordes de R$ 4,19 e uma inflação monstra de 10,5% ao mês e um desemprego de 8,62%, sem falar nas majorações de impostos, taxas, contribuições e serviços, onde o gás de botijão teve aumento de 12% e etc. Enfim, um desastre total, para não dizer uma crise caótica, pois não consegue reduzir seus 39 imprestáveis ministérios, inúmeras "agências empregadoras" com mais de 139 mil "cargos comissionados" recheados de mordomias em virtude do "aparelhamento vermelho" do Estado Brasileiro.
Eh! Somos mesmo uma "sociedade imbecil, idiota e manipulada", mas manipulada pelas falas falazes, falaciosas, irreais e inverídicas de uma presidentA que não manda nem gere nem governa nada a não ser sua "paradisíaca ilhota havana", que serve de valhacouto ao seu "ídolo" déspota, cruel e sanguinário nada democrático, enquanto isso, eLLa pedalando, pedalando, pedalando...
Ah! "Amigo do povo", suas assertivas me fazem lembrar de um aforismo de Benjamin Franklin, mormente quanto às saídas, explicações ou desculpas dos comunapetralhistas, na debalde tentativa de justificar o injustificável e provar o improvável ou distorcer ou desfazer a realidade dos fatos, a saber: “Pessoas que são boas em arranjar desculpas raramente são boas em qualquer outra coisa”. É a cara dos comunapetralhistas; ou não? A cara só não, é o corpo todo, pois faltam-lhes isto, a saber: "Só o homem íntegro é capaz de confessar suas faltas e de reconhecer seus erros”. - BF.
O mau-caratismo é presente, patente, flagrante e marca registrada dos comunapetralhistas, “que defendem a democracia” - aquela cubana - e querem se manter no poder tal qual seu ídolo homiziado na ilhota, que o serve de valhacouto.
O Brasil, seus brasileiros e suas brasileiras, não mais aguentam, aceitam, suportam ou toleram ver ou ouvir um comunapetralhista sem sentir náuseas, aversão e nojo ou vergonha de terem sido ludibriados, enganados e traídos, mormente os que "neLLa votaram" – vide as fotos de posse, de 2011 e 2015, que atestam, provam e comprovam minhas desafiadoras suspeitas.
Aliás, já o disse antes, repeti e reiterei e até desafiei: provem que eLLa recebeu os mais de 54 milhões de votos? Duvido e muito, nem creio que tenha sido eleita com lisura, transparência e legitimidade! Onde estão os "seus eleitores" que não ocupam às ruas em sua defesa, mesmo sendo pagos com suco e pão com mortadela não reúnem mais que uns milhares (isso, nas contas deLLes), que caberiam numa kombi, numa van ou numa camionete.
Fora, corja vermelha! Fora, Dilma! Fora, Lula e fora, PT!
Abr
*JG

P.S.: Postado na gazetaweb.com, no Blog do Bob.


terça-feira, 29 de setembro de 2015

Preferível ser “coxinha, viúva ou golpista” em defesa do Brasil que ser cúmplice ou coautor ou comparsa e copartícipe dos rombos do mensalão, PTrolão, Eletrolão, Postalis e BNDESão. Ou não?

Joilson Gouveia*
O próprio IBGE anuncia uma taxa de desemprego e/ou de demissões recorde de 8,62%, para o trimestre de maio a julho, para os desempregados de carteira assinada, a maior taxa ou o maior índice desde 2012, ou seja, de empregados que trabalhavam, já estavam ou faziam parte do mercado de trabalho e foram despejados, sem contar os desempregados de primeiro emprego, pois raro, escasso ou inexistente, quando a exímia falaciosa já pensava que "presidia" o nosso espoliado, aviltado e combalido país - em minúsculo mesmo de acordo e conforme seu pibinho de -2,5%.
O Brasil está com o pior déficit público nas contas do “governo”, em 19 anos, e, em um ano, caiu mais 18 posições, no ranking mundial de competitividade, ocupa a 75ª posição, até 2014, ocupava a 57ª posição.
Até a inflação, outrora debelada e controlada ou mantida dentro dos patamares toleráveis, suportáveis e aceitáveis, já excede aos 10,5% ao mês, enquanto o Dólar beira aos R$ 5,00 e as taxas de juros de 14,75%, sem falar nos aumentos extorsivos de combustíveis, impostos, taxas e contribuições e de serviço, onde e quando todos e até eLLa própria admitem uma CRISE e os alienados, alienantes e alienígenas militontos, palermas, patifes, pulhas da corja vermelha imputam-na à mídia golpista ou aos coxinhas e às "viúvas" de quem não morreu.
Morto, moribundo ou estado vegetativo e terminal ou igual um zumbi, que ainda não fora sepultado, se tornou o putê, aquele que se dizia dos trabalhadores, pois quem não está processado e preso, está com insônias ou amedrontado e aterrorizado pelas operações policiais federais em cursos e escondido e evitando locais públicos, para não serem ovacionados pela população.
Ainda que não seja necessário “cortar o vento para economizar atmosfera”, urge, pois, que corte seus ineficientes, inúteis, inservíveis, ineficientes e imprestáveis 39 ministérios e seus mais de 139 mil cargos comissionados supérfluos e repletos de mordomias, graçolas e sinecuras de seus aparelhados vermelhos, no mínimo. Ou não? Mas, ao contrário, prefere tentar impor ou criar mais impostos aos brasileiros e majorar outros já existentes; eLLa acha pouco nossa carga tributária, que já excedeu aos dois “quintos dos infernos” – vide nosso Blog, a saber: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2015/08/o-brasil-e-seus-dois-quintos-dos.html .
Aliás, Joelmir Beting havia vaticinado sobre o Partido do Trabalhadores, que "começou com presos políticos e vai terminar com políticos presos". Foi um sábio, claro, preciso e profético. Há uma debandada sem precedentes na "estória destipaís", o homo lusco não consegue se entender com sua "criatura", nem mesmo convencer em seus "conselhos"; eLLa desconfia e teme que seu "criador" anela tornar como um "Sassá Mutema", isto se escapar das garras da "dona justa", que o diga Dr Hélio Bicudo, que se assustou com os bens do molusco amealhados em apenas oito anos, na “presidência” – vide ao último Roda Viva, na Internet.
Enfim, ainda assim, muito melhor ser “coxinhas, viúvas ou golpistas” que ser cúmplices, coautores e copartícipes ou ser as “damas de vermelho” (da noite ou de vida fácil) mantidas e nutridas ou subnutridas com a migalhas que soçobram da corja do mensalão, do PTrolão, do Eletrolão, do BNDESão e de outros mais que virão.
Ladrões não somos!
Abr

*JG

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

A REPÚBLICA SONHADA NÃO SERÁ PROCLAMADA; CARA RUBRA!

Joilson Gouveia*

A "república" que anelam proclamar é igualzinha àquela da progressista, evoluída e proficiente ilhota havana, que serve de valhacouto aos "democráticos" defensores dos direitos civis, políticos e humanos de todo “pueblo cubano”, Los Hermanos Castro, cuja corja é sustentada, mantida e sobrevivida com a grana brasileira via ardilosos programas "maus médicos" e do "puerto de Mariel" e das “reformas dos hotéis, estradas, vias e aeroportos de lá”, mediante generosos empréstimos confidenciais, sigilosos e secretíssimos, i.e., sem aval, ciência e anuência, sobretudo SEM EXPRESSA, MANIFESTA, CLARA E ESCRITA AUTORIZAÇÃO do nosso Congresso Nacional, , como determina nossa CF/88, o que implica, acarreta, caracteriza e tipifica o crime de lesa-pátria, de desvios de Erário ou de evasão de riquezas, que eLLa negou na campanha p/p – ou seja, no maior estelionato eleitoral da "história destepaís" - revelado, admitido e confessado pelo presidente do BNDES, em CPI do CN.
Aliás, como bem vociferou o "grande comandante do izécito vermelho de MTST" do homo lusco, em recente bazófias: "eles querem que a gente vá prá Cuba; não sabem que já estamos em Cuba", mediante gravíssimas bravatas de João Pedro Stédile, o maior traidor do Brasil depois deLLa, Lula, Genoíno e Dirceu, que deveria estar processado e preso, por atentar contra a soberania de nossa Pátria Amada, Brasil.
A república que anelam, almejam e desejam ou buscam é a da “grande pátria” – sonho mórbido, nefando, funesto e nefasto de um moribundo tirano, déspota e sanguinário, um zumbi que insiste em não ser sepultado, que fora urdido, traçado e ultimado nos foros de PoA, Manaus e São Paulo -, a república que desejam os esquerdistaPATAS é essa que estamos vendo sucumbir, afundar no lodaçal pantanoso chafurdado por corruPTos e corruPTores, que só souberam e somente sabem destruir nossa Nação, nesses últimos treze anos de desgoverno, desvios, doações, perdões de devedores, que nunca quitaram empréstimos anteriores e, ainda assim, renovam mais empréstimos aos devedores ou caloteiros de sempre com o nosso suado, sofrido, combalido, aviltado e espoliado Erário, bem por isso querem aprovar um REAJUSTE FISCAL, por conta de mais e majorados impostos, taxas e contribuições ou ouros quejandos, para cobrir e encobrir os rombos e falcatruas e fraudes ou negociatas desses canalhas.
Ledo engano, cara rubra ou rósea, não seremos uma cubanacan; desistam! Não tentem repetir, 30, 32, 35 e 64; não deixaremos jamais!
Abr
*JG

 P.S.: Postado no Blog do Bob, a Gazetaweb.com.

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

TRIBUTO AOS HERÓIS CASTRENSES CAETÉS


Joilson Gouveia*

Ultimadas as merecidas, devidas, justas, solenes e marciais homenagens castrenses do cortejo, féretro, orações, falas, discursos e, enfim, sepultamento dos nossos heróis castrenses, tombados na recente, inusitada e perplexa tragédia aérea, ora iniciadas buscas e investigadas perícias e apuradas suas causas, motivo e razões desse lamentável sinistro funesto, nefando e nefasto, que ceifou a vida de quatro colegas, parceiros e amigos das casernas castrenses congêneres caetés, urge e já não será tardio que seu Comandante-em-chefe, de logo, imediato e incontinenti, também ultime e determine as devidas, merecidas e justas promoções Post Mortem das vítimas, por lídimos deveres imperativos estatutários e legais, consoante previsto na Lei Estadual 6514/2004, consoante se depreende da hialina clareza solar do dispositivo aqui transcrito, o que já não será debalde nem tardio nem ressuscite suas preciosas vidas, mas é imperioso que se reconheça e ultime, a saber:

  • Ø  Da Promoção “Post-Mortem”
  • Ø  Art. 11. A promoção “post-mortem” é aquela que visa expressar o reconhecimento do Estado ao militar falecido no cumprimento do dever ou em conseqüência dele, ou reconhecer o direito do Oficial ou do Graduado a quem cabia a promoção, não efetivada por motivo do óbito.
  • Ø  Art. 12. A promoção “post-mortem” será efetivada quando o militar falecer em uma das seguintes situações:
  • Ø  Ino exercício da preservação da ordem pública e incolumidade das pessoas e do patrimônio;
  • Ø  II – em conseqüência de ferimento recebido nas atividades referidas na alínea “a” deste artigo, ou doença, moléstia ou enfermidade contraída nessa situação, ou que nela tenha sua causa eficiente;
  • Ø  III – em acidente em serviço, definido como tal em processo regular promovido pela Corporação a que pertence, ou em conseqüência de doença, moléstia ou enfermidade que nela tenha sua causa eficiente.
  • Ø  §1º O militar será também promovido se, ao falecer, satisfazia às condições de acesso e integrava a faixa dos que concorriam à promoção pelos critérios de Antigüidade, Escolha e Merecimento, conforme o caso.
  • Ø  §2º A promoção que resultar de qualquer das situações estabelecidas nos incisos I, II e III independerá daquela prevista no §1º deste artigo.
  • Ø  §3º Os casos de morte por ferimento, doença, moléstia ou enfermidade referidas neste artigo serão comprovados por atestado de origem, inquérito sanitário de origem, sendo os termos do acidente, baixa em hospital, papeletas de tratamento em enfermarias e hospitais e os registros de baixa, utilizados como meio subsidiários para esclarecer a situação.
  • Ø  §4º No caso de falecimento do militar, a promoção por bravura exclui a promoção “post-mortem” que resultaria das conseqüências do ato de bravura. (Sic.)

Ademais, nunca será despiciendo trazer a lume, à baila e gizar, porquanto deveras importante, essencial, supino, relevante, fundamental e justo destacar e relembrar, para que não se olvide da sempre esquecida ou quase nunca respeitada, cumprida e usada Lei Estadual nº 6305/98, que estabelece o seguinte, a saber:

  • Ø  LEI Nº 6.035 DE 02 DE JULHO DE 1998.  ASSEGURA, NA FORMA QUE ESTIPULA, A PAGA DE COMPENSAÇÃO FINANCEIRA A POLICIAIS MILITARES, BOMBEIROS MILITARES E POLICIAIS CIVIS VITIMADOS NO ESTRITO CUMPRIMENTO DO DEVER LEGAL OU ACIDENTE EM SERVIÇO.
  • Ø  Faço saber que o Poder Legislativo decreta e eu sanciono a seguinte Lei:
  • Ø  Art. 1º - O Policial Militar, o Bombeiro Militar ou o Policial Civil que, estando em serviço, vier a ser vitimado no estrito cumprimento do dever legal ou em virtude de acidente ou de moléstia deles decorrentes, e que, venha a tornar-se inválido para todo e qualquer trabalho de caráter policial, é assegurada a paga, em uma única parcela, de uma compensação financeira no valor de 20.000,00 (vinte mil reais).
  • Ø  Parágrafo Único – Na hipótese de falecimento nas condições previstas no caput deste artigo, a compensação será paga aos dependentes, obedecida à ordem estabelecida no artigo 11 da Lei nº 4.517, de 30 de maio de 1984.
  • Ø  Art. 2º - O valor da compensação será atualizado anualmente com base na variação do Índice Geral de Preços do Mercado – IGPM, apurado pela Fundação Getúlio Vargas, ou de outro que venha a sucedê-lo.
  • Ø  Art. 3º - O pagamento da compensação de que trata esta Lei deverá se dar no prazo de até 30 (trinta) dias contados da conclusão do procedimento administrativo comprobatório da relação de causa e efeito entre a morte ou a invalidez permanente do Policial Militar, do Bombeiro Militar ou do Policial Civil, e o estrito cumprimento do dever legal ou o acidente em serviço.
  • Ø  Art. 4º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.
  • Ø  PALÁCIO MARECHAL FLORIANO, em Maceió, 02 de  julho de 1998, 110º da República.
  • Ø  MANOEL GOMES DE BARROS

  • Ø  Fábio Máximo de Carvalho Marroquim
  • Ø  (Publicado BGO nº 123, de 08/07/98).

Enfim, urge ultimar as lídimas e justas medidas legais para ascensão dos heróis vitimados no último sinistro, ainda que não se lhes devolvam suas vidas, mas servirá de bálsamo, alento, lenitivo ou consolo e conforto aos familiares e parentes dos heróis mortos no cumprimento de seus deveres e missões operacionais d preservação da ordem e segurança públicas, mas, sobretudo, se fará justiça por legítimo dever-poder legal.
Reitero o dito outrora e sugerido, as briosas carecem de panteão aos seus heróis quando não um museu em que sejam registrados, cadastrados e expostos seus feitos heroicos in memória de seus briosos e bravos heróis, que são sacrificados no exercício, desempenho e cumprimento de seus deveres legais, constitucionais e de ofício, conforme efusivo e marcial juramento solene castrense ao ingressarem nas briosas, após incorporação em suas fileiras.
Guerreiros castrenses nunca morrem; tornam páginas históricas de suas Corporações.
Abr
*JG
P.S.: Juramento: “Ao ingressar nas fileiras da Corporação, prometo cumprir rigorosamente às ordens manifestamente legais de seus superiores hierárquicos e das autoridades a que estiver subordinado, dedicar-me inteiramente aos seus serviços, na defesa da Pátria, no cumprimento do dever e na preservação da ordem pública, mesmo com o risco ou sacrifício da própria vida.” – Foi assim, nos idos de 1976.

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

COMUNISTAS-SOCIALISTAS NÃO PROFESSAM FÉ – IV.

Joilson Gouveia*

A do comunista é tanta quanto sua Democracia, i.e., nenhuma! Inexiste, pois, democracia comunista, assim como, TAMBÉM, inexiste fé em seus doutos ensinamentos e doutrinas dogmáticas marxistas, leninistas, stalinistas e gramscistas, dentre outros imbecis ensandecidos ateístas, mas estão sempre se valendo dos ensinamentos cristãos e das Parábolas e Boas Novas do Evangelho, para ludibriar aos pobres incautos, ignaros, incultos, incrédulos, agnósticos e ignorantes, sobretudo aos paupérrimos analfabetos e iletrados mundo afora, mormente na América Latina e na África ocidental e setentrional.
Comunistas são materialistas e, portanto, ateístas, que ama, adoram e cultuam o status quo, as benesses, os prazeres, gozos e frutos capitalistas, não são espiritualistas, nem metafísicos, nem professam nenhuma religião, nem comungam de fé alguma, como lecionara o douto sábio e perleúdo mentor comunista-socialista Karl Marx & Engels e seus sequazes e séquitos de assassinos cruéis, Lenin, Stalin, Antonio Gramsci, o sanguinário Fidel Castro, o farsante Lula e a dama das falácias, aquela dita do "coração valente", que somente mente e, comumente, como mente e só mente, mas mente e muito, que jamais lutou pela Democracia, e sim pela ditadura do proletariado, uma corja de vagabundos ociosos que são mantidos com o suor, o sangue e o labor dos outros, desde seu fundador, pois Karl Marx jamais trabalhou, foi um burguês mantido pelo legado paterno aristocrático russo - vide quadro abaixo – bem como também o homo lusco e sua “criatura”.
O comunista usa a bandeira de um discurso democrático e da plena democracia (governo do povo, com o povo, pelo povo e para o povo – mas estamos vendo o que nos fazem “os nossos ditos representantes do povo brasileiro; ou não?), num conluio e engodo vil, ardiloso, matreiro, manhoso e dissimulado, mas não há nenhuma democracia comunista no mundo, tal qual no regime democrático havano, em Cuba, na China, na Coréia, na Bolívia, Equador, Guatemala, Argentina, Venezuela, Moçambique e etc.
Para melhor explicitar, provar e comprovar, sobretudo na conjuntura atual e desde que chegaram “Poder”, nesses últimos treze anos, vejam ao decálogo leninista abaixo, a saber:
DECÁLOGO DE LENIM: (tudo previsto nos Protocolos) 1. Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual; 2. Infiltre-se e depois controle todos os veículos de comunicação de massa; 3. Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais; 4. Destrua a confiança do povo em seus líderes; 5. Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo; 6. Colabore para o esbanjamento do dinheiro público; coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior e provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação; 7. Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País; 8. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não os coíbam; 9. Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares (agentes) infiltrados nos partidos democráticos devem acusar os não-comunistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa socialista-bolchevista (linha judaica); 10. Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa”. – Fonte: http://www.hlage.com.br/E-Books-Livros-PPS/Comunismo-Nazismo-Etc/DecalogoDeLenin.pdf
Todo comuna-socialista é ateísta ainda que nem todo ateísta seja um indefectível comuna-socialista ou lulopetralhista-dilmista; leiam mais aqui, a saber:
Entrementes, no Brasil, sem descurar do decálogo supra, os comunapetistas ou lulopetista prefeririam a adoção das estratégias de Antonio Gramsci, na busca da anelada, pretensa e intentada hegemonia dominante que, sútil, astuta e ardilosamente procura desconsiderar, desfazer, destruir, desconstruir, desconfiar e desmitificar a realidade dos fatos históricos contemporâneos e da atual conjuntura, desmoralizando aos seus personagens, aos Poderes, Instituições e Órgãos públicos republicanos, infiltrando seus sequazes, séquitos e apaniguados, aparelhando-os com seus comparsas em todos os escalões das principais empresas estatais de forma tenaz, paulatina, sorrateira, dissimulada, perene e permanentemente.
Olhem, pois, os quadros e ilustrações distribuídos abaixo, aqui postos e coletados na grande rede mundial de computadores e Internet.
Abr
*JG

P.S.: Postado na Gazetaweb.com, no Blog do Bob.






GANHOU UMA BATALHA; NÃO A GUERRA!

Joilson Gouveia*

Vitória? Governo? Onde, como, quando e de quem? Fala sério! Deixa de gozação, que isso não tem a mínima graça, nem piada é. Primeiro, sequer há governo; ou achas que há e que governar é isso que eLLa faz com o Brasil e, sobretudo, com os brasileiros? Vitória de quê e de quem? Pois, saibam todos, isso já é sacanagem demais ou oprobrioso escárnio com o cidadão honesto, com o trabalhador honrado, com o contribuinte decente e com o cidadão e com a cidadã de bem, que sofrem com uma INFLAÇÃO de mais de 9,57% a/m, com o Dólar a quase R$ 5,00 (cinco reais) que eleva a dívida da PTrobrás em mais de 513 bilhões de dólares; com um PIB pífio, negativo ou abaixo de zero em -2,55% e os juros extorsivos, abusivos ou impiedosos de 14,75%, e até mesmo criminosos os índices de desemprego em 8,3% - vide quadro abaixo.
Os parlamentares, no caso da votação dos vetos e do lídimo, legal, constitucional, jurídico-político-ético, regular, devido e iminente PROCESSO DE IMPEDIMENTO, pelos seus crimes de responsabilidade, que procederam feito algumas meretrizes decadentes, daquelas do tipo “grana na mão calcinha no chão” – sem querer ofender às damas do ramo noturno; claro! Essas têm mais moral, ética e respeito que “os seus filhos” - que, ao verem moedas ou ouvirem seu tilintar, se prostram e se prestam em descer suas vestes, para sevícias de todos os gêneros, mormente os da base aliada rachada, digo melhor: os cúmplices em conluio nefasto, nefando e funesto de espúrios, escusos e negócios e suas negociatas em prol de si mesmos enquanto o Brasil e seu povo que se explodam!
Ignomínia própria desses ignominiosos depredadores, depenadores e defraudadores de Erário, apaniguados, séquitos e alimárias de uma súcia matula perversa, maléfica e pernóstica incrustados no congresso nacional, que já fora chamada pelo homo lusco de “uns trezentos picaretas”, mas deve ter muito mais; ou não?
Doutra banda, a escória togada já pugna para desconstituir, desconstruir e destruir os efeitos das operações policiais federais, mormente da LAVA-JATO, dentre outras tantas, que lavam a alma do cidadão e enche-o de esperanças de um Brasil melhor, mais justo e mais ético e moralmente aceitável, tolerável e suportável!
Se há, de fato, “governo” e houve “vitórias” para a exímia, expert, sábia criatura “muié sapiens” e seu criador “íntegro, impoluto e honesto” perleúdo homo lusco e de seus escroques, canalhas, salafrários e vigaristas vermelhos aliados ou coligados, perdeu o Brasil e todos os brasileiros e as brasileiras de BEM deste país – assim em minúsculo, enquanto nação – pois permanecerão sendo aviltados, espoliados, depredados, achacados, assaltados e depenados seu Erário e suas riquezas e tesouros nacionais, mediante generosas doações, samaritanos desvios e benignos empréstimos aos vermelhos desse mundo afora, até a fonte secar.
Será que o brasileiro e a brasileira decentes, o cidadão e a cidadã de bem, o honesto trabalhador e honrados contribuintes ficarão passivos, inertes, inermes, inóxios e alheios ao iminente caos, perigo e abismo a que estaremos fadados e que nos ameaça a todos: a cubanização ou venezuelização dos comuna-socialistas do lulopetismo e dilmista? Creio que não, não mesmo! Perdemos uma batalha, mas ainda não perdemos nem perderemos a guerra! Ainda nos resta um verde-oliva de esperança, um límpido branco marinho e um azul celeste de nossas briosas, dignas, honrosas, honradas, legais e constitucionais Forças Armadas, em ultima ratio, como nosso bastião e nossa trincheira: “somos, da Pátria, a guarda”! Ainda somos, conforme juramos, e seremos sempre e para sempre “seus fiéis soldados por ela amados”! Creiam-me, estaremos em prontidão, preparados, prontos e a postos, para defesa, segurança, garantia e, se urgir, seu imprescindível e incontinenti resgate do Brasil aos seus concidadãos nacionais brasileiros!
Não ousem repetir suas intentonas comunistas de 30, 32, 35 e 64! Alerto-os: perderão novamente!
Abr                          
*JG

P.S.: postado na Gazetaweb.com, no blog do Bob.

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

ELEIÇÃO SEM IMPRESSÃO DE VOTOS CAUSA DÚVIDAS, QUIZILAS E DEIXA MÁ IMPRESSÃO

Joilson Gouveia*

Insta-se, aos leitores desse web-jornal e blog, que não se iludam nem se deixem ludibriar ou até mesmo se façam enganar pelo ardiloso, sorrateiro, capcioso, astuto, matreiro, escamoteado e dissimulado engodo do articulista, repugnante, iracundo e tenaz arauto vermelho intransigente petralhista do lulopetismo ou dos comunapetistas, esse tal tal Sir Bob, que não está nem ai para a conjuntura político-econômica-financeira-fiscal atual brasileira e muito menos em saber se o honrado, intrépido, aguerrido, destemido e diligente ex-ministro do STF, que quase foi sentenciado de morte pelos conselheiros petistas, como sugerido por um desses "éticos conselheiros", que propôs uma bala na cabeça de Joaquim Barbosa, só e tão-somente por cumprir seu ofício e dever de julgar e condenar aos mensaleiros - que nunca existiu mensalão, segundo Bob e o homo lusco seus sequazes.
Na verdade, isso é uma sondagem ou pesquisa disfarçada, pois seu fito é tentar saber a repercussão de uma eventual candidatura de um honrado, ilibado, honesto e decente cidadão do povo brasileiro, digno, responsável e maior que trinta e cinco aos, como garantido pela CF/88. Entrementes, quaisquer que sejam os candidatos concorrentes e adversários do partido que se tornou uma quadrilha, consoante se pode inferir das prisões e condenações de seus dois ex tesoureiros, quem quer que seja: Joaquim Barbosa; Jair Bolsonaro; Aécio Neves, Marina Silva e etc. e tal; nenhum terá a mínima chance de vencer ou derrotar aos petralhas, mormente se mantiverem o mesmo e atual sistema eleitoral mediante urnas eletrônicas invulneráveis, mas impossíveis de conferências auditáveis, nada impugnáveis e incontestáveis da Smartmatic, de programação venezuelana, pois sempre dará vitória aos canalhas vermelhas, principalmente se a computação dos votos for digital e sem impressão concreta, continuar confidencial, sigilosa e secreta ou sem transparência e publicidade imprescindíveis, como a recente, em que o apurador ou o contador dos votos é quem decide que vence, como dissera Stalin: “quem vota não decide nada; quem conta os votos decide tudo e quem vence.
Eleição sem impressão causa dúvidas, quizilas, querelas, contendas e má impressão, cheira a corrupção, causa caos e confusão e nada se pode comprovar, discutir, recontar, impugnar, contestar ou comprovar, sobretudo se depender de uma ou duas dúzias de escrutinadores ou apuradores ou computadores numa sala inacessível ou sigilosa ou secreta como o foi a última havida em 2014.
Eis a verdade! Fora disso, ou seja, sem impressão e cômputo de votos transparentes, públicos, reais, concretos e palpáveis, onde seja possível e passíveis de recontagem, constatação e comprovação de seus resultados verdadeiros, é ludibriar a boa-fé dos brasileiros!
Abr

*JG
PS: postado na Gazetaweb,com, no Blog do Bob.

OS GUERREIROS NÃO MORREM; TORNAM-SE HISTÓRIA!

Joilson Gouveia*

O que sucedeu: catástrofe; tragédia; fatalidade ou imperícia, imprudência, negligência ou “falha mecânica”? Leviano, açodado e temerário assestar qual ou quais causas do inusitado sinistro aterrador, horrível e terrível, que ceifou as vidas de quatro intrépidos castrenses dedicados, devotados e disciplinados da briosa caetés e das Alagoas!
Foi-se dito que a aeronave estava em “perfeitas condições de uso, voo e de operações”, inclusive o helicóptero havia sido manutenido conforme instruções de segurança – se estava o que teria causado tenebroso, nefando, funesto, nefasto, trágico e fatal episódio? –, mas, enquanto aguardamos os resultados das investigações e perícias oficiais, ao ensejo resta-nos expressar, manifestar, prestar e hipotecar solidariedade humana, fraterna, profissional e espiritual aos nossos parceiros, colegas e amigos da caserna que sacrificam a própria vida pela segurança do cidadão, consoante juramento solene ao ingressarem nas forças castrenses caetés, como ocorrido agora e in caso com esses nossos quatro irmãos de caserna.
É o risco permanente, e até sacrifício da própria vida, para cumprimento da árdua, espinhosa, sacrificada e nobre missão de preservar a ordem e a segurança públicas da sociedade e de todo e quaisquer cidadãos ou cidadãs; estavam no estrito cumprimento do dever legal, missão oficial e constitucional, tombaram em serviço, a serviço e de serviço conforme ofício diário, diuturno e cotidiano, seja matinal, vespertino ou noturno por sua OPM, Unidade e Corporação; perderam suas vidas, mas não morreram! Estarão vivos nos anais da história castrense!
Guerreiros não morrem; viram heróis e passam a ser a própria história da briosa, de Alagoas e do Brasil, que sejam asseguradas não somente suas condoídas, pesarosas e solenes condolências, mas, sobretudo, suas ascensões post mortem como reconhecimento ao dever cumprido e, também, o direito, justo, devido e magnânimo consolo ou conforto de seus amigos, familiares e parentes.
Vão em paz, bravos guerreiros! Deus os tenha em Seus Misericordiosos Braços!
Abr
*JG

UM BASTA NA IRRESPONSABILIDADE QUE JÁ NÃO SERÁ TARDIO, CLARO! URGE O IMPEACHMENT SENDO OU NÃO GOLPISMO - SOMOS GOLPISTAS DESDE CRIANCINHAS, BOB!

Joilson Gouveia*

"É imperioso frear a irresponsabilidade" sim, mas do desgoverno desses mensaleiros-PTrolões, Eletrolões, comunapetralhistas e expurgar o lulopetismo, de uma vez por todas e para sempre, com o que anuímos todos nós, os brasileiros e a brasileiras de BEM deste País, e concordamos em gênero, número e grau, pois somos mais de 93% de golpistas; graças a Deus!
Ah! E que, sobrevindo o caos, depois do golpe, nada poderá ser tão grave, maléfico e caótico como o fora o IMPEACHMENT - que não se exauriu nem foi ultimado, nos idos de 1992, em face da renúncia de seu atual patrão, Bob - o qual fora protagonizado, proposto, difundido e defendido com unhas e dentes pelo PT e cuja pugna o lulopetismo foi seu mais bravo arauto e intransigente, iracundo e ferrenho porta-voz, que ensinou aos brasileiros que “eles poderiam botar e tirar qualquer político que não correspondesse às expectativas do povo e honrasse seus compromissos e respeitasse as Leis e Constituição Federal”; tá tudo gravado, registrado, filmado e documentado na grande rede mundial de computadores, na Internet, como bem lembram os leitores seguintes a saber:  Edu; Ton; Barbosa; Carvalho e Kennedy; dentre tantos outros que objurgam aos escritos de Sir Bob.
O povo aprendeu, Sir Bob, e deixou de ser panaca, bobo e otário! Somos mais de 93% da população CONTRA sua presidentA e a tudo que eLLa verbalizou ou vociferou no maior estelionato eleitoral da história mundial concomitantemente às fraudes, pedaladas e engodos ardilosos de bravatas falaciosas, mentirosas e golpistas, para se manter no “puder” como a maior cleptocracia da história, mormente nesses últimos treze anos, pois “fizeram o diabo para não perder a eleição”, onde a “coração valente” – que não passa de uma pessoa que mente e como mente, comumente é comum ou natural e normal mentir e mente muito, muito mesmo, é quase uma demente; “coração demente e que mente”, ou não? –, deixou transparecer patente, clara e ostensiva sua inapetência, indolência e incompetência enquanto gestora ou administradora de uma Nação e de um País. Caos maior não há!
E já o disse antes e reiterei: eLLa é a crise e a crise é eLLa; a criatura que sequer segue, aceita ou ouve ao seu criador, ora ensandecido, desacreditado, perdido, acuado e amedrontado com os efeitos de uma operação policial chamada de LAVA-JATO e de um intrépido, destemido e determinado magistrado com todas as letras maiúsculas, SÉRGIO MORO, exemplo de altiva Justiça juntamente com abnegados, diligentes e dedicados procuradores, promotores e policiais federais, cuja operação lava a alma do contribuinte e cidadão trabalhador, honesto, honrado e decente, que foi enganado pelo homo lusco e sua “SARGENTONA” ou “gerentona do PAC”, que ninguém mais ouve falar e de nada serviu, pelo menos de bom, de bem  e de positivo para o povo e para o Brasil.
Caos incontrolável, desmedido, desbragado, oprobrioso e bem pior foi aparelhar o Estado Brasileiro, seus Poderes, Instituições e Órgãos, sobretudo CRIAR mais de 39 ministérios inúteis ou inoperantes e inservíveis ou ineficientes e inúmeras “agências empregadoras” que de reguladoras não há nada e não passam de verdadeiros “armários de empregos” aos seus apaniguados sequazes vermelhos. Isso sim que é golpismo!
Golpismo, também o é, sobretudo, desviar, DOAR ou generosamente “emprestar” nosso Erário aos países de bandeiras comuna-socialista que somente funcionam graças a grana brasileira – como bem o diz Olavo de Carvalho.
Golpismo é aumentar o Fundo Partidário em mais de 1540%, comprar o Congresso Nacional, para aprovar suas contas e orçamento impositivo, majorar os parcos subsídios e ínfimos salários dos Parlamentares e do Judiciário em detrimento dos demais servidores ativos, aposentados e pensionistas.
Golpismo é a elevação dos juros bancários e de cartões de crédito e do cheque especial, a majoração dos preços de combustíveis, do gás de botijão residencial, da energia, da água e de outros bens e serviços.
Golpismo é fazer ressurgir a INFLAÇÃO, que fora debelada antes dos petralhas chegarem ao “puder”, e já está em dois dígitos, ou seja, em mais de 10%; golpismo é não pagar o Salário-Mínimo previsto pelo DIEESE, pagar ou manter um curral eleitoral famélico mediante Bolsas de todos gêneros e tentar recriar a CPMF e outros impostos, para sustentar a canalhada vermelha, alimárias e súcia matula da coalizão aliada ou tentar tamponar os rombos deixados pelos desvios, doações, perdões de dívidas de generosos empréstimos confidencias, sigilosos e secretos “renovados” sem a devida quitação pelos devedores e pagar dez mil dólares aos médicos sem revalida, que somente auferem 30% pelo seu “trabalho” enquanto os 70% vão para seus tiranos, déspotas e ditadores. Aliás, o tal programa foi a forma mais vil, aviltante e escabrosa de desbragada evasão de divisas e riquezas brasileiras, para sustentar regimes socialistas dessas mesmas tiranias.
Golpismo é tentar incutir na cabeça do brasileiro que o Impeachment ou impedimento é GOLPE!
Abr
*JG

P.S.: postado no Blog do Bob, na Gazetaweb.com.

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

CONTESTANDO, OBJURGANDO E REPUDIANDO PONTO A PONTO

Joilson Gouveia*

Vejamos o que disse um renitente que se diz jornalista, maas que é “arauto dos comunapetralhistas”, sobre o dilema da sua atual presidentA, cuja deverá ser impedida, defenestrada do cargo, cassada, presa e expropriados todos os seus bens, mormente os amealhados pelos cartões corporativos e de por meios escusos, espúrios e ilícitos, como mandam as Leis e Constituição brasileiras, para o bem da Nação e do Nosso espoliado e combalido País chamado Brasil, a saber:
1) “A reforma ministerial está demorando porque a presidente Dilma não gosta que lhe digam o que fazer, ainda que o que ela tenha que fazer – e até demorou -; implique em tranquilidade para o governo governa”.
Notem bem: (...) “Não gosta que lhe digam o que fazer...”) O que é uma característica flagrante, própria, inerente e ínsita às índoles e personalidades de caráteres déspotas, autoritárias e tirânicas cujas são infensas à democracia e às leis e constituição de uma república tupiniquim ou não! Um presidente deve ser o servidor número-um de um país democrático, cumprir e fazer cumprir suas leis e aceitar ou fazer e atender à vontade de seu povo e o POVO QUER SEU IMPEACHMENT!
2) O ministro do Gabinete Civil, Aloisio Mercadante, só tem contribuindo para fazer o governo sangrar. Mercadante é o único chefe do Gabinete Civil sem espaço e sem diálogo com o Congresso Nacional.  
Vejam bem: O que a impede de exonerá-lo ou substituí-lo ou mesmo de o defenestrar do seu “desgoverno”, já que ele é a causa de todos os males? Seria seu refém?
3) A insistência da presidente Dilma em manter Mercadante no cargo, mesmo sabendo que ele é o estorvo que dificulta a relação republicana do governo com o Congresso, tem custado os sobressaltos que o governo tem tido ultimamente.
Por que é mantido? Seria imexível?
4) Para agravar o quadro tem a reforma ministerial, que é urgente, urgentíssima, mas o governo enfrenta dificuldade internas com a base aliada, na qual se inclui o PT, que detém a maioria dos cargos comissionados e não sabe o que fazer com a militância desempregada.
É mais que estranho, é muito estranho, não? Poderá sofrer o impeachment, mas não se livra do malefício! Será que ele sabe de algo que a comprometa? “Há algo de podre no reino da Dinamarca”? Conseguirá eLLa desaparelhar o Estado e livrar-se da escória e dos séquitos de súcias matulas de canalhas vermelhas que estão arraigadas em suas “tetas estatais”?
4) Os dilemas de Dilma começam dentro do governo, ou dentro de casa, e se estendem às ruas com o terrorismo midiático e o sonho golpista que nutre a esperança de mudar a seu favor o resultado adverso da urnas soberanas.
É hilário, trágico ou vergonhoso. Todos sabem onde estão e onde começam ou quem são os seus problemas menos eLLa, que presidentA; não? Urnas soberanas? Serão mesmo soberanas, invulneráveis, incólumes, imaculadas e refletiram mesmo à vontade do povo? Já o disse que não; e as fotos de suas posses comprovam-nas – comparem-nas abaixo! Quem ganha a eleição! - vide abaixo!
5) A peleja do governo agora é para aprovar a CPMF. Os governadores e prefeitos, que são beneficiários diretos da CPMF, pressionam pela aprovação e encaram a oposição que defende a bandeira do quanto pior, melhor e torce para a nau naufragar.
Dilma precisa entender que a reforma ministerial é a reconciliação do governo com o rumo que o próprio governo traçou inicialmente, e se desviou dele. E a extinção de ministérios, pelo menos 15 deles desnecessários, é a demonstração de quem deseja acertar.
Afinal, quem CRIOU tantos imprestáveis, inservíveis e inoperantes ou indecentes ministérios: a criatura ou seu criador?
6) Quanto a nova CPMF, ela é ruim para quem costuma sonegar impostos. Mas, estes, são inevitáveis e o governo deve se acostumar com as queixas – afinal, estava tão bonzinho assim sonegando-se impostos…
Contribuição Para Mantença de Falcatruas? Ou seria Para Manutenção de Fraudes?
Enfim, aprovar aquilo que eLLa se dizia CONTRA durante todas as entrevistas, discursos, leituras e falas de sua hiper-mega-tera-campanha fraudulenta, ardilosa, falaciosa, criminosa, mentirosa e enganosa, para cobrir os rombos causados por eLLa e seus asseclas? É o povo brasileiro que tem que amargar, sofrer, chorar e arcar com os prejuízos, danos e desvios ou doações da generosa MÁ”mãe dos brasileiros” aos seus “cumpanhêros vermelhos” mundo afora?
Ora, se há mesmo tantos sonegadores, como aduzido pelo intrépido, perleúdo e indefectível “jornalista”, de que serve o Leão e Secretaria da Receita Federal, que não conseguem identificar e cobrar, sobretudo do tal homo lusco e da muié sapiens e de suas proles fenomenais haja vista ascensão exponencial dos seus rebentos; ou não?
Reitero: a solução é o que já dissemos e reiteramos em nosso Blog, a saber:
Abr
*JG

P.S.: Postado no Blog do Bob, na gazetaweb.com